Notícias

Galardões "A Nossa Terra" revelam sentimento de grande gratidão

Vinte e uma personalidades e instituições foram distinguidas com o galardão ?A Nossa Terra? pela dedicação e serviço à comunidade em diferentes áreas, desde a Educação ao Desporto ou do associativismo à música, entre outras.
Um grande gratidão foi o sentimento mais demonstrado na noite de quinta-feira, na 25.º Gala dos Galardões ?A Nossa Terra?.
Ao todo, foram distinguidas 21 personalidades e instituições da cidade, escolhidas por um júri formado por 634 pessoas e entidades.
?Isto é sinal de querem dizer obrigado à comunidade, de querem saber ser gratos. Independentemente dos galardoados poderem ser mais à esquerda ou mais à direita, o objectivos em si são nobres, são válidos e são úteis. A cidade de Braga está de parabéns?, afirmou José Ferreira, responsável pela organização dos galardões ?A Nossa Terra?.
José Ferreira acrescentou ainda que o evento serviu para ?dizer muito obrigado pelo que a comunidade tem feito em prol da cidade. A cidade tem sabido congregar-se em iniciativas de gratidão.? Este ano, o evento contou com uma novidade, um sarau dedicado aos povos que sofrem, particularmente da Ucrânia.
?Tentamos congregar a comunidade em causas comuns, mas entendemos que deveríamos fazer uma homenagem simbólica e solidarizarmo-nos com os povos que sofrem. Não apenas na Ucrânia, mas também na Rússia, porque também se sofre na Rússia?, indicou José Ferreira.
A vereadora da Educação, Carla Sepúlveda, considerou a gala como um momento importante porque ?já nos habituamos a que Braga seja uma cidade que reconhece os seus talentos e as coisas que fazem a diferença na cidade. É um momento de extrema felicidade e o galardão é sinónimo de muito trabalho e dedicação à comunidade. É o reconhecimento daquilo que se faz em prol da comunidade?.
D. José Cordeiro, Arcebispo Primaz de Braga, assistiu pela primeira vez à Gala dos Galardões ?A Nossa Terra?, mas destacou que se trata da ?gratidão da sociedade civil nas várias dimensões. É importante que sejamos solidários e construtores da paz e que também haja quem reconheça, na forma mais participativa possível, para que sejam cada vez mais aqueles que possam dar o seu contributo positivo para a construção do bem comum?. D. José Cordeiro aproveitou a ocasião para conhecer melhor a sociedade bracarense e da região.
Os galardoados são seleccionados através de um amplo processo de votação que se divide em três fases: primeiro a recolha das sugestões dos nomes; depois a indicação dos nomeados a partir das indicações recebidas; e finalmente a escolha de um vencedor entre os nomeados.
O nome de cada um dos galardoados na 25.ª edição dos Galardões ?A Nossa Terra?, vai constar de uma revista a publicar em breve pela empresa Direnor. O patrocinador oficial foi a empresa New Hope (JC Group).
Galardoados sentiram emoção e reconhecimento por parte da sociedade
?Este galardão tem um valor simbólico especial. A vida ensinou-me a dar valor simbólico especial à cidade de Braga?. Foi desta forma, e visivelmente emocionado, que o professor da Universidade do Minho Vítor Aguiar e Silva, agradeceu a atribuição do galardão Personalidade, na quinta-feira à noite na Gala dos Galardões ?A Nossa Terra?, que decorreu no Altice Fórum Braga. Mesmo antes de saber que era o galardoado, o professor universitário encarou o galardão como ?o reconhecimento de uma carreira de trabalho e, ao mesmo tempo um factor de incetivo para melhorar o que está menos bem. É motivo de satisfação receber o reconhecimento da sociedade?.
Um sentimento partilhado por Francisco Carvalho Guerra, distinguido com o Galardão Carreira. ?Quero deixar um grande agradecimento à cidade, uma cidade que galardoou quem faz diferente?, disse Francisco Carvalho Guerra, professor catedrático de Bio-Química.
Um dos testemunhos mais emocionados da noite, foi o da esposa do professor Jorge Amado, a quem foi atribuído, a título póstumo, o Galardão Saudade. ?Trata-se de um galardão muito especial para alguém que hoje está aqui connosco?, disse a esposa do professor antes de ler dois poemas de Pablo Neruda e Carlos Drumond de Andrade, sobre a saudade.
Céu Ameixinha, que recebeu o galardão Ciências e Educação, explicou que a distinção ?dignifica toda a cidade. Todos os nomeados mereciam recebê- lo?.
A enfermeira responsável pelo Centro de Vacinação anti-Covid-19 de Braga agradeceu a ?toda a equipa residente? e a ?toda a Braga?, ao mostrar uma faixa onde se lia ?Abracinho, gratidão eterna?.
Teotónio Santos, administrador dos Transportes Urbanos de Braga (TUB) agradeceu o galardão Organismo de Serviço Público, partilhando-o com ?todos os clientes que preferem andar de autocarro e que felizmente são cada vez mais?.
O administrador da transportadora municipal bracarense agradeceu também aos colaboradores da empresa.
Minutos antes da entrega do galardão, Teotónio Santos frisou que o objectivo da empresa ?é sempre a melhoria contínua do serviço prestado aos clientes e fazer sempre melhor todos os dias.
Na totalidade foram entregues 21 galardões em diferentes áreas e a múltiplas personalidades e insitituições. Galardão Empresa Setor Comércio e Serviços (Casa do Passadiço); Galardão Empresa Sector Industrial (Spormex); Galardão Empresa Sector Restauração/Pastelaria/Hotelaria (Queijaria Central); Galardão Juventude (Diana Faria); Galardão Música (Orquestra do Distrito de Braga); Galardão Associativismo (Luís Botelho); Galardão Artes e Cultura (Aida Alves); Galardão Associação Cultural e Recreativa (Associação Cultural e Recreativa Semear Alegria); Galardão Desporto (José Paulo Lopes); Galar- dão Associação Desportiva - (Clube Desportivo, Recreativo e Cultural de Tebosa); Galardão Organismo Serviço Público - (TUB); Galardão Junta de Freguesia (Espinho); Galardão Ciências e Educação (Céu Ameixinha); Galardão Entidade Área Ensino (Agrupamento de Escolas Trigal de Santa Maria) ; Galardão Altruísmo (Eva Ferreira); Galardão Instituição de Solidariedade Social (Cercibraga); Galardão Evento (Festival de Órgão de Braga); Galardão Carreira (Francisco Carvalho Guerra); Galardão Saudade (Jorge Amado); Galardão Personalidade (Vítor Aguiar e Silva) e Galardão Entidade (Banco Alimentar Contra a Fome).

  • Galardões
Ver mais notícias

Galardões "A Nossa Terra"

nas redes sociais

Galardões Multimédia



- Dora Rodrigues (Galardão Música) - Edição VIII, 2005