Fernando Pinheiro

Fernando Pinheiro, como escritor, já editou dois romances, Sonho e Paixão em Apúlia e A Forasteira, ambos reeditados. Neste domínio do romance, trabalha actualmente numa trilogia dedicada à família contemporânea. Publicou cinco obras de poesia e seis de conto. Escreveu e adaptou inúmeras peças de teatro, como A Paixão de Cristo, Barcelos By Night ou O Fim do Último Episódio. Peças, porém, como Constantino, Guardador de Vacas e de Sonhos, O Mistério do Fantoche Abandonado, ou a A Bicicleta do Palhaço foram dedicadas ao público infantil. Como actor, representou mais de mil vezes, e interpretou mais de 50 personagens, um pouco por todo o país e também em Espanha; e, como encenador, levou a palco mais de 80 peças de autores nacionais e estrangeiros. No campo monográfico, publicou O Artista Tranquilo, sobre a vida e obra do Mestre José Veiga, Teatro em Arentim 40 Anos de Fé e Tradição, A Freguesia de S. Vicente? e Um Sonho do Coração, dedicada ao Grupo Folclórico Dr. Gonçalo Sampaio. É ainda de referir a sua ligação à A Capoeira - Companhia de Teatro de Barcelos e à Autores de Braga. No presente, é director pedagógico da Barcelos Sénior, uma instituição dedicada ao ensino da população sénior de Barcelos e é membro do Conselho Geral da Escola D. Maria II, de Braga.

Atividade:Escritor, actor e encenador

Galardões "A Nossa Terra"

nas redes sociais

Galardões Multimédia



Apresentadores (Liliana Faria e Manuel Lago) - Galardões XIX Edição - Edição XIX, 2016