Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia

O Laboratório Ibérico Internacional de Nanotecnologia (INL) nasce do firme propósito dos governos de Espanha e Portugal de criar, na Península Ibérica, um centro de I&D capaz de se afirmar no palco internacional de ciência. A decisão de criar o laboratório veio reforçar a cooperação científica e tecnológica para que seja possível aos dois países caminharem para a consolidação de uma economia baseada no conhecimento. A parceria assenta no desenvolvimento comum de actividades que assegurem uma investigação de excelência à escala mundial na nanociência e nanotecnologia. A cooperação ganha corpo na colaboração entre a universidade e a indústria, entre o sector público e privado, e na criação de profissionais especializados para a indústria de base nanotecnológica. É missão do INL organizar e apoiar a cooperação europeia e internacional no domínio da investigação na área das nanociências e das nanotecnologias, contribuindo para a obtenção de novos resultados, quer ao nível de publicações, quer ao nível de patentes, e respectiva transferência de tecnologia. Os projectos que estão a ser desenvolvidos no INL inserem-se nas áreas de aplicação das nanotecnologias à medicina e ao controlo ambiental e alimentar, bem como à electrónica e energia, nanomáquinas e manipulação molecular.

Atividade:investigação e desenvolvimento

Galardões "A Nossa Terra"

nas redes sociais

Galardões Multimédia



Grupo de Poesia da U.M. (Sarau) - Galardões XVIII edição - Edição XVIII, 2015