Colégio Teresiano

Tendo iniciado a sua actividade em 1932 na Rua do Raio, transferiu-se em 1970 para a Rua do Taxa onde se mantém. O reconhecimento como estabelecimento de ensino por parte do Ministério da Educação deu-se em 1950. Inicialmente como colégio feminino, foi-lhe permitido funcionar, a partir de 1969, em regime de co-educação no pré-escolar e 1º ciclo, estendendo-se esta autorização a todos os ciclos, em 1987. O paralelismo pedagógico, concedido em 1976, primeiro renovável periodicamente, e depois por tempo indeterminado, deu lugar à autonomia pedagógica, concedida em 2001. Empenhado em construir uma comunidade educativa baseada em relações de respeito, igualdade e responsabilidade, este colégio visa a promoção de uma cidadania participativa e solidária. Para além das áreas curriculares, oferece actividades complementares como: piano, guitarra, ballet, informática, karaté, natação, capoeira, ginástica e oficina de teatro. A Associação de Pais, que trabalha com a direcção desde 1977, funciona também como agente dinamizador de algumas destas actividades. O Movimento Teresiano de Apostolado é outra proposta de crescimento espiritual individual e em grupo, de atenção e envolvimento no meio. Também o Projecto Solidariedade Activa nasceu de um grupo de voluntários da comunidade educativa e apoia toxicodependentes, sem abrigo e famílias carenciadas da cidade. Em 2007 cumpriu 75 anos enquanto instituição bracarense ao serviço da educação.

Galardões "A Nossa Terra"

nas redes sociais

Galardões Multimédia



António Castanheira (Galardão Artes Tradicionais e Populares) - Galardões XVIII edição - Edição XVIII, 2015